Vale alimentação: vereadores aguardam documentos do Executivo

Projeto de Lei precisa conter declarações referentes à origem das receitas com o vale alimentação aos servidores

Servidores acompanham discussão na Câmara
Servidores acompanham discussão na Câmara

Publicado em 26/10/2017 as 20:30 (Atualizado em 10/12/2017 as 18:18), postado por Silvia Goulart - ImppactMidia, Fonte: Câmara de Iúna

Desde meados de setembro, os vereadores aguardam novos documentos a serem anexados ao Projeto de Lei da Prefeitura de Iúna sobre a concessão de vale alimentação aos servidores públicos municipais. O projeto do ticket no valor de R$ 125 seria uma alternativa para melhorar a receita dos servidores.

“O ticket alimentação seria uma alternativa pensada para que pudéssemos esperar a revisão geral anual de 7,17% nos vencimentos dos servidores”, comentou o vereador Darlan Barglini. 

O projeto que discute o vale alimentação foi retirado de pauta pelo Executivo no dia 18 de setembro, mas já havia sido lido em plenário, porém recebeu críticas dos parlamentares quanto à restrição do benefício ser apenas aos servidores efetivos, excluindo os profissionais em designação temporária (DT).

A retirada do projeto da pauta gerou novas discussões sobre a revisão geral anual dos vencimentos dos servidores, prevista para janeiro deste ano e que ainda não foi regulamentada até o final de outubro.

“Eu não estou mais acreditando que o projeto do ticket alimentação será enviado para os vereadores aprovarem”, comentou a vereadora Maria Miguelina na sessão do dia 18 de outubro.

 Erros no projeto de Lei

O Procurador da Câmara, Marco Antônio Sonsim de Oliveira, explicou que o projeto do ticket não foi para apreciação novamente porque, mesmo após várias reuniões entre o Executivo e o Legislativo, chegou à Câmara sem as devidas declarações, de acordo com a Lei de Responsabilidade Fiscal, especialmente no que se refere à origem das receitas.

 “A despesa com o vale alimentação é contínua, e não estava prevista nas leis orçamentárias. Já havíamos cobrado isso há tempos do Executivo, mas não recebemos os documentos. Por isso, a procuradoria da Casa é contrária ao projeto de Lei”, explicou Sonsim.

 Até que o Executivo envie as devidas declarações, o projeto é considerado ilegal.

“Ninguém é contra o ticket, mas temos que aprovar de forma legal, e o procurador encontrou a legalidade para tentarmos aprovar. Estamos comprometidos e não é apenas para fazer média e agradar o funcionário”, comentou o vereador Júlio Oliveira.

“O projeto continua nesta Casa, e foi solicitado ao Executivo que apresente documentos para que seja votado na legalidade”, reforçou o vereador Emmanuel Garcia Amorim.

“Mas a impressão é que estão querendo ganhar tempo com isso. Já era para o projeto ter sido votado em setembro. Já estamos no final do ano e, de repente, ele chegará com erros de novo”, disse o vereador João Elias Colombo Horsth.

 O Presidente da Câmara, Rogério Cézar, reforçou que a Câmara está empenhada em analisar o projeto e a documentação. “Vamos fazer tudo certo para não termos problemas no futuro. Tentaremos colocar em votação até o início de novembro”, analisou o Presidente da Casa.



MAIS NOTICIAS
Servidores públicos municipais receberão vale alimentação

há 11 dias

Servidores públicos municipais receberão vale alimentação

O tíquete concedido no valor de R$ 125 é uma alternativa para melhorar a receita dos servidores


Período de chuvas: vereadores solicitam serviços de conservação de vias

há 12 dias

Período de chuvas: vereadores solicitam serviços de conservação de vias

Limpeza de bueiros, patrolamento e ensaibramento de estradas e contenção de barrancos são alguns dos serviços já solicitados


Violência doméstica: entenda o que mudou na Lei Maria da Penha

há 13 dias

Violência doméstica: entenda o que mudou na Lei Maria da Penha

Texto da lei ganhou novos itens relacionados ao atendimento a mulheres em situação de violência, que deverá ser feito, de preferência, por profissionais mulheres


Certidões de nascimento, casamento e óbito passarão por mudanças

há 16 dias

Certidões de nascimento, casamento e óbito passarão por mudanças

Novas medidas elaboradas pelo CNJ contemplam as variadas formas de família e facilitam a criação do documento único de identificação


Cidadania iunense: parlamentares promovem homenagens a 13 personalidades

há 18 dias

Cidadania iunense: parlamentares promovem homenagens a 13 personalidades

Durante Sessão Solene, homenageados receberam títulos de Cidadão Iunense, Cidadão Iunense Ausente e Comenda parlamentar do Rio Pardo


Saúde do homem: saiba como se prevenir contra o câncer de próstata

há 20 dias

Saúde do homem: saiba como se prevenir contra o câncer de próstata

Campanha Novembro Azul chama a atenção para a necessidade de se discutir e conscientizar a população sobre a doença


Nota de pesar

há 41 dias

Nota de pesar

Dona Luzia, como era conhecida, foi servidora exemplar da Câmara de Iúna por 17 anos. Ela deixa como legado uma trajetória marcada pelo respeito ao próximo, amor e dedicação à família e aos amigos.


Sessão Solene homenageará iunenses

há 44 dias

Sessão Solene homenageará iunenses

Receberão títulos 14 personalidades que se destacaram em suas áreas de atuação no município


Feira do Produtor Rural

há 45 dias

Feira do Produtor Rural

Funcionando na Praça Antides Faria, a Feira Livre acontece às sextas-feiras, às 16h


Café de qualidade: produtor recebe homenagem da Câmara Municipal

há 45 dias

Café de qualidade: produtor recebe homenagem da Câmara Municipal

Deneval Vieira, cafeicultor iunense da Fazenda Alegria, se destacou no Cup of Excellence 2017 com seu Cordilheiras do Caparaó


Produtor de água de Pequiá ganha prêmio

há 45 dias

Produtor de água de Pequiá ganha prêmio

Câmara de Iúna também concede Moção de aplausos ao produtor Oto Gilson Fazolo pela recuperação de nascentes no Córrego Pouso Alto


Programa incentiva desligamento voluntário de garis, servente, coveiros e vigias

há 45 dias

Programa incentiva desligamento voluntário de garis, servente, coveiros e vigias

Projeto aprovado pela Câmara oferece incentivos financeiros, e demais verbas indenizatórias


Aguarde, enviando dados!

clear